fbpx
preloder

Reflexões para deixar de se auto sabotar

Entender o que é a auto sabotagem é essencial para um bom desenvolvimento pessoal. Na maioria das vezes, esse nosso lado “impostor” não é tão consciente, até que descobrimos situações em nosso cotidiano que acusam esse comportamento. A partir desse texto, você conseguirá diagnosticar práticas do seu dia a dia que te auto sabotam e, quem sabe, aumentar sua produtividade.

TEMPO DE LEITURA: 7 MINUTOS

Você vai ler sobre:

“Síndrome do impostor”;

Evite a comparação com os outros;

Evite os pensamentos negativos;

Enfrente os seus medos;

A auto sabotagem muitas vezes está camuflada em situações que não percebemos. Por exemplo, quando você não gosta do seu atual trabalho, mas sabe que tem que acordar em certo horário para chegar com tempo no seu emprego, mas da mesma forma, tende a dormir por mais alguns minutos ou ficar enrolando para se arrumar. Nós fazemos isso por relacionar o prazer (todos os frutos que um trabalho possa dar) à dor (não gostar do trabalho). Fazemos isso em várias oportunidades da vida, nos estudos, nos passeios, nos relacionamentos.

Abaixo algumas atitudes sabotadoras muito comuns e algumas dicas que podem auxiliar na mudança de comportamento sobre elas:

#1 “Síndrome do impostor”

Quantas vezes você questionou suas conquistas por não se achar merecedor? Você simplesmente não aceita que fez por merecer aquela promoção, aquele cargo ou aquele grande negócio que fechou. Na verdade, você se acha um impostor e que apenas teve sorte em cada vitória. Essa é a chamada “síndrome do impostor”, uma condição psicológica que afeta muitas pessoas. De maneira prática, ela atinge da seguinte maneira: te faz ter medo de encarar novos desafios por receio do fracasso ou te faz pensar que todos têm mais qualificação que você, mesmo exercendo as mesmas atividades.

Para trabalhar seu pensamento a seu favor, seja amoroso consigo mesmo, sem julgamentos. Outras pessoas podem ser melhores do que você em diversas situações, mas lembre-se que cada um tem sua bagagem e seu tempo e que você está no caminho para ser cada vez melhor também. Se algo positivo aconteceu com você, é porque certamente você é capaz de lidar com esta oportunidade. Aproveite!

#2 Evite comparações

Muitas vezes nos pegamos analisando a vida dos outros e comparando-as com as nossas. No entanto, quando fazemos isso, além de estar nos fazendo mal, muitas vezes enxergamos apenas a superfície do que o outro está passando naquele momento. Não sabemos quais as dificuldades que passou, os erros que cometeu e seus fracassos para chegar onde chegou.

Para evitar esse comportamento, busque apreciar verdadeiramente as vitórias dos outros, e principalmente as suas, com admiração e respeito, sem comparações ilusórias ou injustas. Perceba como sua vida atual tem características positivas em relação ao seu passado e se permita compreender que há muitas mudanças pela vida toda à frente. Tenha em mente que você pode melhorar a cada dia.

#3 Evite pensamentos negativos

O principal auto sabotador que existe é o tal do pensamento negativo. Você ainda nem começou, mas seu pensamento já te adianta que não vai dar certo. Você está pensando de forma negativa. Contraponha seus pensamentos negativos com os positivos. Pense que todos podem fracassar um dia, e que é preciso tentar e começar de alguma maneira. Lembre-se que resultados negativos também são resultados, você só precisa entender como pode aproveita-los e aprender com eles.

#4 Enfrente os seus medos

E, por fim, mas não menos importante: encare os seus medos. Analise a sua vida, encontre os medos, e entenda a sua dor; mas não deixe que ela tome conta da sua vida. O medo te paralisa e te atrasa para as conquistas. Por isso aprenda a identificar o que te traz medo (medo de fracassar, medo do sucesso e etc.). O que aconteceu no seu passado que reflete nesses medos da atualidade? Depois disso, tente descobrir de que forma pode superar tudo isso.

Descubra o que é a PNL (Programação Neurolinguística) e descubra como ela pode te ajudar a eliminar os pensamentos sabotadores para ter uma vida plena e saudável.

Já ouviu falar de nossos cursos?

Entre em contato e saiba como a Desenvolva Você pode te ajudar nesse processo de autoconhecimento.